Quais os benefícios de uma rede social corporativa?

Quais os benefícios de uma rede social corporativa?


Resultado de imagem para tecnologia


Uma rede social corporativa se caracteriza por ser uma importante ferramenta para o ambiente de trabalho, utilizada principalmente para auxiliar na comunicação interna entre os colaboradores.
A principal vantagem de utilizar esse canal é a rápida capacidade de disseminar informaçãoquando comparada a outros meios.
Além disso, uma rede social funciona como um veículo de aprendizado para todos os colaboradores da organização, já que permite o compartilhamento de arquivos, planilhas e outras informações e dados, substituindo as antigas intranets.
Outros benefícios relacionados a rede social corporativa se destacam ao ganho de velocidade na execução de processos internos e à facilidade de acesso. Isso porque é um meio de comunicação que fortalece a conectividade, a participação e o compartilhamento de informações entre os integrantes, proporcionando a implementação de uma gestão mais participativa entre todos os níveis hierárquicos da companhia.
A rede social corporativa requer treinamento e orientação. É preciso que a gestão proporcione a todos os funcionários a preparação adequada para o acesso à rede interna. Isso porque não faz muito sentido contar com uma rede social se o acesso for restrito a um pequeno grupo interno ou se a adesão à ferramenta for baixa.

Como não cair em armadilhas?

implementação de uma rede social corporativa possibilita a evolução da empresa e de seus funcionários. Isso significa alcançar um patamar elevado de agilidade no processo de comunicação, assim como uma maior interatividade e afinidade entre gestores e demais envolvidos na instituição.
No entanto, é preciso ficar atento a alguns erros que podem comprometer a produtividade e o desempenho de toda a equipe, por exemplo.

Postar conteúdo pessoal

Uma rede social corporativa não é uma rede social pessoal. Isso significa que as mensagens trocadas, fotos, arquivos e demais conteúdos devem ter relação com o ambiente organizacional, já que é um canal corporativo e que permite uma comunicação integrada envolvendo pessoas, áreas e até mesmo companhias simultâneas.
Por meio de uma rede social corporativa cada colaborador passa a ter um perfil na ferramenta, no qual é possível publicar vídeos, informações, fotos, iniciar debates, tal qual ocorre no Twitter ou no Facebook.
Ou seja, similar aos sites que as pessoas estão acostumadas a usar na vida pessoal, mas alinhados aos objetivos da empresa.
Use e abuse de todas as ferramentas e possibilidades da rede social corporativa. No entanto, é preciso definir como a comunicação será feita e o que pode ser utilizado, como: vídeos, comunicados, imagens, banners, posts, etc.
Essa definição é importante para manter a coerência da empresa aos olhos dos colaboradores.

Compartilhar informações de outras pessoas

A implantação de uma rede social corporativa se revela como uma importante ferramenta estratégica para a empresa.
Quando utilizada de forma adequada ela aumenta o alcance das informações, o engajamento, a adoção e a integração por parte dos colaboradores.
No entanto, é preciso ter consciência de que todo o processo de comunicação dentro da organização deve ser transparente. Ao falar o que não se sabe ou compartilhar informações de outras pessoas corre-se o risco de errar e ocasionar uma experiência ruim aos outros colaboradores.
Por isso, é preciso ser criterioso na rede social corporativa, sabendo que é um espaço público de compartilhamento de informações, não privado. Engajar-se em discussões pode ser não apenas improdutivo, mas ruim para a imagem da companhia.
 Resultado de imagem para tecnologia

Realizar publicações exageradas

Antes de postar ou compartilhar alguma informação, é preciso ter a certeza que aquele conteúdo ou opinião deve realmente ser veiculada.
Quando a empresa tem uma rede social corporativa efetiva e que cumpre com seu real objetivo é possível:
  • reduzir o retrabalho, já que as informações referentes a tarefas e atividades passam a ser compartilhadas simultaneamente;
  • diminuir o recebimento de multas trabalhistas por erros causados por falta de dados e informações e;
  • evitar atrasos nas entregas de tarefas importantes e prioritárias, cumprindo as metas estabelecidas.
Muitas vezes, as informações importantes acabam não chegando a todos os envolvidos ou, ainda, por não existir um espaço para que os colaboradores busquem as informações de que precisam para executarem suas tarefas acabam impactando na eficiência das operações e na produtividade.